Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

RESERVATÓRIOS: Caesb consegue poupar Descoberto e o Santa Maria no ano de 2018

A Caesb conseguiu reduzir o volume de captação de água nas barragens de Santa Maria e do Descoberto, depois de ter ampliado a interligação do sistema e implantado as captações do Paranoá e do Bananal.

A redução mais significativa ocorreu na captação do Santa Maria que baixou para 416,77 l/s, em média, no ano de 2018, o que representa apenas um terço do que foi captado em 2016 – 1.228,26 l/s, em média – e menos da metade do volume captado em 2017 – 993,92 l/s, em média.

A Companhia considera importante ter consolidado, de forma definitiva, o Santa Maria como um reservatório a ser utilizado mais intensamente no período de seca, podendo ser poupado, com mais intensidade, nos demais meses do ano.

 

Em setembro de 2018, auge da seca, o Santa Maria chegou a contribuir com uma média mensal de 1.083,20 l/s, sendo de 825,30 l/s, em agosto, e de 993,45 l/s, em outubro.

O Descoberto também passou a ser poupado depois das obras de novas captações de água e de melhoria na interligação dos sistemas.

 

Em 2018, a captação média foi de 3.392,92 l/s, uma redução de 1.383,97 l/s, ou cerca de 29% a menos do que o captado na média de 2016, que foi de 4.774,89 l/s. Com relação a 2017, período do racionamento, a redução em 2018 foi de 282,24 l/s em média, ou cerca de 7,6%. Naquele ano, a captação média foi de 3.674,16 l/s. 

A Caesb destaca como fator importante dessa evolução do sistema de abastecimento as obras do Bananal e do Paranoá, bem como as intervenções que trouxeram mais flexibilidade, aumentando a capacidade de transferências entre os dois maiores sistemas da Companhia.

 

Em 2017, quando entraram em funcionamento a partir do mês de outubro, o Paranoá contribuiu com uma média de 399,45 l/s, e o Bananal com 615,9 l/s.  Em 2018, essa contribuição foi ao longo de todos os meses, com média de 589,6 l/s no Paranoá, e de 555,92 l/s no Bananal. 

Em dezembro do ano passado, com o nível do Descoberto chegando a 100% do volume útil, a Caesb voltou a abastecer as cidades do Núcleo Bandeirante, Candangolândia, Park Way (quadras 1 a 5) e parte de Águas Claras pelo Descoberto, com um aumento médio de captação da ordem de 230 l/s. Mesmo assim, a média de captação no mês de dezembro foi de 3.681,97 l/s, praticamente a mesma média de 2017 e cerca de 23% menor que a média de 2016.

 

COMENTÁRIOS