Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

SUPER-ATRASADO: Jardim Burle Marx, previsto para a Copa, continua em obras ou parado

Após 3 anos do início do projeto, a situação ainda é a mesma

Localizado no centro de Brasília, entre a Rodoviária do Plano Piloto e a Torre de TV, um projeto de urbanização inspirado no paisagismo do artista plástico Burle Marx começou a ser realizado em 2013 sob promessa de recepcionar os turistas para a Copa do Mundo do ano seguinte, 2014.

 

Mesmo após o evento, o espaço de 225 mil metros quadrados continuava em obras, com montes de terra e buracos cavados no canteiro central do Eixo Monumental.

Após 3 anos do início do projeto, a situação ainda é a mesma: obras paradas. 

Segundo a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), há recursos financeiros empenhados para a obra, mas a empresa contratada deixou de operar.

 

“Devido à essa situação, a Novacap está tomando as devidas providências e aplicando as penalidades previstas. A empresa já foi multada, mas cabe recurso. Após o prazo, a próxima etapa é o cancelamento do contrato assinado pelo governo passado.”, informou a assessoria de imprensa por meio de uma nota.

 

O projeto prevê o plantio de vegetação nativa do cerrado e de canteiros de flores, a instalação de ciclovias, calçadas e espelhos d'água e a construção de espaços de convivência no local.  

As obras do Jardim Burle Marx consistem no paisagismo entre a via W3 e a Rodoviária do Plano Piloto.

A primeira etapa, 60% concluída, está orçada em R$ 6.525.154,03 e aditivo financeiro de R$ 1.591.697,50. Já a segunda etapa, com 30% concluída, tem investimentos de R$ 12.893.127,89.


Homenagem – Roberto Burle Marx foi um dos mais conceituados paisagistas do País.

Nos anos 60 começou a compor os espaços de Brasília e seus projetos eram como obras de arte e estavam em sintonia com os traços do arquiteto Oscar Niemeyer.


No Distrito Federal, entre os ambientes criados pelo paisagista estão a Praça dos Cristais (no Setor Militar Urbano), a Praça das Fontes (no Parque da Cidade), os jardins externos e internos do Itamaraty, o jardim externo do Palácio da Justiça, o jardim externo do Palácio do Jaburu.


É dele também o projeto de paisagismo da 308 Sul, os jardins do Teatro Nacional e os do Tribunal de Contas da União.

 

Fonte: *Alô - Clipping

COMENTÁRIOS