compartilhar

"BOMBA": Servidores da Saúde são lançados contra parede após tambor de óleo explodir

A explosão aconteceu no momento em que o produto era remanejado para outro recipiente menor

De acordo com o Corpo de Bombeiros, equipes da corporação e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) se deslocaram para o endereço, mas os servidores não quiseram ser transportados ao hospital.

 


Dois servidores do Núcleo de Controle Químico e Biológico da Diretoria de Vigilância Ambiental em Saúde, ligada a Secretaria de Saúde do GDF, tomaram um susto na manhã desta terça-feira (15/3) na QNG 8, em Taguatinga Norte.

Um tambor de óleo mineral de 200 litros se rompeu após ser transferido para um recipiente menor.

Os trabalhadores de 51 e 54 anos foram lançados contra a parede do armazém onde manipulavam o produto, mas não sofreram nenhum ferimento.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, equipes da corporação e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) se deslocaram para o endereço, mas os servidores não quiseram ser transportados ao hospital.

O telhado ficou parcialmente quebrado pelo tambor. Segundo militares, não houve dano estrutural e o local não precisou ser interditado pela Defesa Civil. 
 
A Secretaria de Saúde informou que o incidente aconteceu quando um funcionário abriu o tonel com óleo mineral usado na composição do fumacê. A pasta explicou que "o excesso de pressão fez com que a tampa do tonel fosse arremessada contra o telhado. Algumas telhas quebradas caíram, mas ninguém ficou ferido".

 

Fonte: *CB - Clipping

COMENTÁRIOS