compartilhar

AEDES AEGYPTI: Tendas de hospital de campanha encerram atividades neste domingo nas cidades-satélites

GDF afirma que número de atendimentos caiu e que 'estruturas já cumpriram seu papel'. Em um mês, unidades receberam 34 mil pacientes.

As tendas de hospital de campanha, voltadas à hidratação de pessoas com suspeita de dengue no Distrito Federal, encerrarão suas atividades neste domingo (30). De acordo com o Governo distrital, o atendimento vem apresentando declínio.

"As tendas já cumpriram seu papel", afirma o subsecretário de Atenção Integral à Saúde, Ricardo Ramos.


As estruturas foram erguidas em 25 de maio, após o início da epidemia de dengue enfrentada no Distrito Federal nas últimas semanas.

Ao todo, foram montadas dez tendas nas localidades do Varjão, Estrutural, São Sebastião, Guará, Itapoã, Planaltina, Sobradinho II, Samambaia, Ceilândia e Brazlândia.

Entre o primeiro dia de funcionamento e 26 de junho, as unidades realizaram 34.017 atendimentos.

Desse total, 23.303 eram pacientes com suspeita de dengue, sendo que 7.221 receberam hidratação ou medicação e 651 precisaram ser levados para hospitais.

Menos procura nos hospitais

 

Segundo a Secretaria de Saúde, após a implementação das tendas, a procura por atendimentos nas unidades de saúde diminuiu.

A pasta afirma que, no Hospital Regional do Guará, a taxa de ocupação na clínica médica caiu 34,25% desde a instalação da tenda na localidade. Já no HRAN, segundo a secretaria, houve redução de 12% após a implementação da estrutura no Varjão.

 

Atendimento

 

A partir desta segunda-feira (1º), quem precisar de atendimento contra a dengue terá de recorrer às unidades básicas de saúde, às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e aos hospitais regionais.

Segundo a Secretaria de Saúde, cerca de 470 agentes – como servidores da Vigilância Ambiental, do SLU, e profissionais cedidos – permanecerão atuando no combate ao mosquito aedes aegypti, que transmite a doença. O fumacê também continuará sendo espalhado nas áreas com maior incidência de casos.

Neste fim de semana, as unidades que ainda estão funcionando são:

 

  • Guará

 

QE 06-Lote C – Área Especial S/N-Guará I

 

  • Itapoã

 

UBS 1 – QD 378, Área Especial, Del Lago

 

  • Planaltina

 

Estacionamento do Hospital Regional de Planaltina

 

  • Sobradinho II

 

UBS 2 – Rodovia DF-420, Setor de Mansões, n°1

 

  • Samambaia

 

Estacionamento do Hospital Regional de Samambaia

 

  • Ceilândia

 

St. N Quadra QNN 27 Área Especial D - Ceilândia

 

  • Brazlândia

 

Estacionamento do Hospital Regional de Brazlândia

Números da dengue na Grande Brasília

 

Segundo o último boletim epidemiológico da dengue, divulgado nesta sexta-feira (29), até 22 de junho foram registrados 31.154 casos prováveis da doença no Distrito Federal. Já o número de mortes subiu para 31, contra 29 contabilizados até 8 de junho.

 

 

Planaltina é a cidade-satélite com o maior número de mortes. Segundo a Secretaria de Saúde, desde o início do ano, foram registrados dez óbitos na cidade.

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS