compartilhar

ARNIQUEIRA: Aprovadas diretrizes urbanísticas para o Setor Habitacional, ao lado de Águas Claras

Processo de regularização será finalizado e enviado ao Conplan. Já foram feitos estudos de licenciamento ambiental, o que deve acelerar legalização

Moradores do Setor Habitacional Arniqueira, em Águas Claras, estão mais próximo da regularização dos lotes.

 

A Secretaria de Gestão do Território e Habitação aprovou as diretrizes urbanísticas para o bairro, onde existe -na sua maioria- condomínios horizontais.

 

A Portaria nº 9, de 10 de fevereiro de 2016, que apresenta detalhes técnicos, foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal desta segunda-feira (21).

 

O texto detalha, entre outras coisas, o parcelamento do solo para fins urbanos e indica possíveis intervenções que possam ser feitas para melhorar a infraestrutura.


As diretrizes urbanísticas definem também o quanto da área será destinado para equipamentos públicos, como escolas e hospitais, e para imóveis comerciais e residenciais.

O texto traz ainda os tipos de atividades econômicas permitidas na região e estabelece parâmetros para o uso de cada área.Aprovadas diretrizes urbanísticas para o Setor Habitacional Arniqueira

 

 

De acordo com a subsecretária de Planejamento Territorial, Cláudia Varizo, o documento passará por análise para que o processo de regularização seja finalizado.

 

Ele se juntará aos processos de licenciamento ambiental e, posteriormente, será levado ao Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan).


"As diretrizes possibilitam uma visão maior do território e permitem que sejam pensados apontamentos como a integração urbana e o transporte público no bairro. É um passo fundamental para a regularização", afirma a subsecretária. "O processo do Setor Habitacional Arniqueiras já tem estudos ambientais e condições de caminhar com certa celeridade."


Origem
Originalmente a área foi destinada para a exploração agropecuária, mas na década de 1990 as chácaras passaram por fracionamento e parcelamentos informais para fins urbanos, a maior parte para a criação de condomínios fechados.

 

Dados da secretaria revelam que Arniqueira tem 8.436 domicílios e aproximadamente 30.143 moradores.


De acordo com o órgão, a ocupação desordenada gerou problemas, como dificuldades de acesso e circulação e carência na oferta de equipamentos públicos.

Com a aprovação das diretrizes será possível também elaborar estratégias para a utilização de transporte coletivo, por exemplo.


Conplan
Formado por 30 conselheiros — 15 representantes do governo e 15 da sociedade civil —, o Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal tem função consultiva e deliberativa.

 

Auxilia o Estado na formulação, na análise, no acompanhamento e na atualização das diretrizes e dos instrumentos de execução da política territorial e urbana. É presidido pelo governador de Brasília ou, na ausência dele, pelo secretário de Gestão do Território e Habitação.

Acesse as diretrizes urbanísticas do Setor Habitacional Arniqueira.

 

COMENTÁRIOS