compartilhar

"NÃO VAI TER GOLPEEE": Segurança de manifestação nesta 5a (31) na Esplanada terá esquema especial

Protesto contra impeachment da presidente Dilma está previsto para terminar às 22h30. Eixo Monumental será fechado a partir das 17 horas

Com público de 100 mil pessoas, estimado pelos organizadores, a manifestação contrária ao impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff, marcada para esta quinta-feira (31), terá reforço na segurança, com o apoio do Centro Integrado de Comando e Controle Regional, que funciona na Subsecretaria de Integrações e Operações, vinculada à Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social.

 

Também haverá alterações de trânsito na área central do Plano Piloto.


A marcha promovida pelo Partido dos Trabalhadores (PT) e pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) está prevista para começar às 17 horas, saindo do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha em direção ao Congresso Nacional.

 

O término está previsto para as 22h30.


O centro integrado monitorará a movimentação do protesto em tempo real, a partir das 14 horas. Todos os órgãos envolvidos na operação de segurança estarão presentes para acompanhar e dar resposta imediata, se necessário.

 

Além da Secretaria da Segurança Pública, das Polícias Civil e Militar e do Corpo de Bombeiros, participam do planejamento do esquema especial o Serviço de Limpeza Urbana (SLU), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), o Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), a Agência de Fiscalização (Agefis), a Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb), o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), as polícias do Senado Federal e da Câmara dos Deputados e a Polícia Rodoviária Federal.


A Polícia Militar reforçará o policiamento a pé e contará com o apoio das unidades especializadas Rotam, BPCães, RPMon (Cavalaria), BPChoque e Bavop (helicópteros).

 

A partir das 14 horas, na Via N1, na altura do Congresso Nacional, será posicionado o Comando Móvel da PM. A Polícia Civil reforçará o atendimento na 5ª DP.


Trânsito
O Eixo Monumental será fechado a partir das 17 horas. Próximo à Funarte, o trânsito será desviado da Via S1 para a Via S2. Também estará interditado o acesso ao Eixo Monumental pela Avenida W3 Sul, que será ligado diretamente à Avenida W3 Norte. Para quem vai do Eixão Sul à Rodoviária do Plano Piloto, haverá desvio para o Buraco do Tatu. Na Via N1, o acesso à alça oeste da rodoviária também permanecerá fechado.


À medida que a manifestação descer para o Congresso Nacional, o Departamento de Trânsito liberará o tráfego. O órgão contará com o apoio de 50 agentes, 20 viaturas operacionais, três guinchos, duas empilhadeiras e um helicóptero.


Recomendações
A Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social recomenda aos pais ou responsáveis que identifiquem as crianças e evitem expô-las a situações de risco.

 

Os participantes não devem levar objetos cortantes que possam causar riscos ou comprometer a segurança dos demais. Caso percebam pessoas ou grupos com clara intenção de tumultuar, os manifestantes devem avisar os policiais militares que estiverem mais próximo para estes agirem preventivamente.


Devido ao fluxo intenso de pessoas durante o protesto, também orienta-se não estacionar ao longo das vias da área central do Plano Piloto.


Negociação
A Esplanada dos Ministérios será ocupada apenas por manifestantes pró-governo, já que aqueles a favor do impeachment abriram mão do local depois de negociação conduzida pela secretária da Segurança Pública e da Paz Social, Márcia de Alencar.

 

Pelo acordo, os organizadores dos movimentos Acampamento Patriota, Ocupa Brasília, Aliança dos Movimentos Democráticos e Resistência Popular desistiram do agendamento feito na secretaria para que grupos divergentes não ocupassem o mesmo lugar.


Também ficou combinado que os representantes da CUT e do PT não ocuparão a Esplanada dos Ministérios em 17 de abril, desde que esta não seja a data de votação do impeachment.

 

COMENTÁRIOS