compartilhar

"MENORES, AH! SEMPRE OS MENORES": Menores têm ligação com 40% dos homicídios da Grande Brasília, mostram dados

Reincidência de atos infracionais chega a 85%, aponta secretaria. Por dia, 28 jovens são apreendidos; 25% têm mais de 6 passagens.

A média diária é de 28 adolescentes levados às delegacias da Criança e do Adolescente (DCA) por dia em 2016.

 

No primeiro trimestre de 2015, 346 menores de idade foram levados às delegacias da criança de Brasília por força de mandado de busca e apreensão; em 2016 foram 439.


Nos primeiros três meses do ano, as apreensões em flagrante de jovens infratores tiveram queda de 0,8% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, de 2.155 para 2.137.


Segundo os dados da secretaria, a reincidência desses jovens na prática de atos infracionais chega a 85%, e 25% dos menores cometem entre seis e dez infrações antes de ser internados.


De acordo com os dados, uma em cada quatro armas ilegais que a polícia retirou de circulação estavam nas mãos de menores.


Os crimes mais comuns praticados por eles são roubo, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e homicídio. A prática desses atos levou 85% dos adolescentes infratores aos centros de internação do Distrito Federal e corresponte a 80% das infrações cometidas por menores.


A média diária é de 28 adolescentes levados às delegacias da Criança e do Adolescente (DCA) por dia em 2016. No primeiro trimestre de 2015, 346 menores de idade foram levados às delegacias da criança brasilienses por força de mandado de busca e apreensão; em 2016 foram 439.


Nos primeiros três meses do ano, as apreensões em flagrante de jovens infratores tiveram queda de 0,8% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período do ano passado, de 2.155 para 2.137.

Segundo os dados da secretaria, a reincidência desses jovens na prática de atos infracionais chega a 85%, e 25% dos menores cometem entre seis e dez infrações antes de ser internados.


De acordo com os dados, uma em cada quatro armas ilegais que a polícia retirou de circulação estavam nas mãos de menores.

Os crimes mais comuns praticados por eles são roubo, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e homicídio.

A prática desses atos levou 85% dos adolescentes infratores aos centros de internação do Distrito Federal e corresponte a 80% das infrações cometidas por menores.

 

Fonte: *G1 - Clipping

COMENTÁRIOS