Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

QUALIFICAÇÃO: Fábrica Social abre 1,4 mil vagas de capacitação profissional na Cidade do Automóvel

Há oportunidades para têxtil, cultivo de alimento saudável e construção civil. Inscrições podem ser feitas até 24 de junho, pelo 156, nos 7 dias da semana.

A Secretaria-adjunta do Trabalho do Distrito Federal abriu 1.400 vagas para a Fábrica Social – Centro de Capacitação Profissional – nesta segunda-feira (6).

 

São mil oportunidades para têxtil e confecção de material esportivo, 150 para instalação e manutenção de painéis solares, 150 de produção e cultivo de alimentos saudáveis em meio urbano, 50 de marcenaria com madeiras recicláveis e 50 para construção civil.


De acordo com o secretário-adjunto do Trabalho, Thiago Jarjour, as vagas são uma oportunidade para quem quer se profissionalizar.

“A Fábrica Social é uma excelente porta de abertura profissional. O governo pretende investir na capacitação desses novos trabalhadores para que o mercado receba-os melhor formados. Com isso, ganham tanto o setor privado quanto o público”, diz.


As inscrições podem ser feitas até 24 de junho, pelo 156, opção 9, das 7h às 19h. Aos sábados e domingos, o horário é de 8h às 18h.

Podem participar pessoas com cadastro para programas sociais do governo federal, com renda familiar per capta de até R$ 154, idade mínima de 16 anos, moradoras da Grande Brasília, e tendo disponibilidade de até seis horas de manhã ou à tarde.


De acordo com a pasta, 5% das vagas são destinadas a deficientes, idosos e jovens infratores.

 

O sorteio dos participantes será no dia 29 de junho.

 

Não pode se inscrever quem já participou de algum processo de capacitação e qualificação da Fábrica Social.

 

COMENTÁRIOS