Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

PARALÍMPIADAS 2016: Começa o revezamento da tocha paralímpica em Brasília

FOGO RETORNA AO PARQUE DA CIDADE, COM FESTA DE ENCERRAMENTO

A Tocha Paralímpica foi acesa logo cedo nesta quinta-feira (1) no estacionamento 12 do Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek. Depois seguiu de comboio para o trajeto por Brasília.


 

Quem acendeu o fogo paralímpico foi o professor de educação física Ulisses Araújo, que trabalha com pessoas com deficiência desde 1980, tendo parceria com o GDF pela Associação Centro de Treinamento de Educação Física Especial.


Cláudio Irineu da Silva foi o primeiro condutor da tocha. O atleta é quatro vezes campeão mundial de futebol de amputados e medalha de ouro de vôlei sentado no Parapan 2007, no Rio de Janeiro.

Depois do Parque da Cidade, o primeiro destino foi o Parque das Garças, na QI 15 do Lago Norte, que abriga um projeto de stand up paddle para pessoas com deficiência.  Em seguida o fogo olímpico foi para unidade da Rede Sarah na QI 13 do Lago Norte.


A tocha também passará pelo Instituto Cultural, Educacional e Profissionalizante de Pessoas com Deficiência, no Setor de Indústria e Abastecimento e, em seguida, a Escola Nacional de Administração Pública e a Associação de Centro de Treinamento de Educação Física Especial, ambas no Setor Policial Sul. Antes de voltar ao Parque da Cidade, o fogo passa pelo Centro de Ensino Especial de Deficientes Visuais, na Asa Sul.

Resultado de imagem para TOCHA PARALIMPICA DFA tarde, às 16h15, o comboio retorna ao Parque da Cidade. O trajeto de 10 quilômetros será feito pela pista de caminhada e pelo kartódromo e passará pela hípica. Para esse momento, o ponto de saída será o Estacionamento 13 e o de chegada o de número 12, onde haverá apresentações culturais.


 

COMENTÁRIOS