compartilhar

TORNEIO ARIMATÉIA: Tradicional em todo final de ano, campeonato vai até dia 3 de janeiro em Taguá

Competição reúne 1.485 atletas em 94 equipes de futebol de salão desde os anos 70 e esta já é a 36ª edição

Fim de ano é sinônimo de festa e diversão por todos os cantos do Distrito Federal.

 

Mas há 36 anos, em Taguatinga, o período tem uma celebração especial dentro de uma quadra de futsal. Tradicional na cidade-satélite, o Torneio Arimatéia reúne jogadores não só da Grande Brasília, mas de todo o país, que aproveitam o fim de ano para confraternizar e jogar muita bola em uma arena montada para o evento no Taguaparque.



A competição começou com uma brincadeira entre amigos, na praça da QNF, em Taguatinga Norte, no fim da década de 1970. Eles se reuniam para disputar garrafas de refrigerantes e sanduíches, jogando em um espaço de terra batida e com golzinhos improvisados.

 

Os amigos convidaram outros, os golzinhos e a quadra tomaram uma proporção bem maior, e hoje o torneio é o evento de futsal mais conhecido de Brasília. Entre os atletas inscritos para a competição 2015-2016 estão amadores, profissionais e veteranos, alguns daquela época das competições em “quadra” de barro.

 

A arena deste ano conta com arquibancada coberta, com capacidade para 3 mil pessoas sentadas, além de praça de alimentação e banheiros. Os jogadores inscritos têm acesso a vestiários e local para concentração.

 

Os jogos começaram em 13 de dezembro. A competição seguirá até 3 de janeiro, quando serão disputadas as partidas finais. A expectativa é que mais de 100 mil pessoas passem pela arena nos 22 dias de competição.


As equipes foram divididas em nove categorias: sub-11, sub-15, sub-17, sub-20, adulto masculino, adulto feminino, veterano, máster e super máster. Os times são formados por no mínimo oito e no máximo 15 atletas. Em 2015, são 1.485 atletas inscritos em 94 equipes.


Andre Borges/Agência Brasília

O criador e organizador do evento, José de Arimatéia de Lima (foto), de 62 anos, se entusiasma com o sucesso. “Está no calendário esportivo do Distrito Federal e é conhecido em nível nacional”, afirma. Segundo ele, a organização para cada edição do evento dura pelo menos nove meses. “Eu jamais imaginaria que aquela brincadeira fosse se transformar em um evento dessa proporção”, admite.


Até a tarde deste sábado (26), já haviam sido marcados 678 gols nos 123 jogos disputados, média de 5,5 gols por partida.

Apoio
O GDF é parceiro do Torneio Arimatéia há vários anos. Em 2015, o Banco de Brasília (BRB) e a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) investiram R$ 100 mil para a execução do evento por meio de patrocínio. O orçamento do torneio também conta com a colaboração de empresários e comerciantes de Taguatinga.


Além dos patrocínios, o governo local contribui com o apoio da Companhia Energética de Brasília (CEB), da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb), do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), da Agência de Fiscalização do DF (Agefis), do Serviço de Limpeza Urbana (SLU), do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Polícia Militar.


Torneio Arimatéia
Arena montada no Taguaparque, próximo à administração regional
Até 3 de janeiro de 2016 (domingo)
Das 9 às 22 horas
Entrada gratuita
Acesse a tabela completa e a programação de jogos

 

COMENTÁRIOS