Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

ENTRADA FRANCA: Festival de Brasília traz mostra de filmes com baixo orçamento

Esta segunda-feira (26) do 49º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro marca o começo da mostra Cinema Agora!, que segue até terça (27).

 

Em cartaz estarão filmes feitos com baixo orçamento e que não receberam incentivo fiscal público nem de empresas privadas.

As sessões serão no Cine Brasília (106/107 Sul), com entrada franca.


Para fazer Não me fale sobre recomeços, o diretor Arthur Tuoto usou apenas um computador com acesso à internet e um programa de edição de vídeo. “Todo o filme foi produzido com material encontrado, tanto áudio quanto vídeo. É um trabalho mais de pesquisa do que de produção”, conta.


O filme é o único da mostra descrito como experimental. Tuoto misturou reflexões de diferentes mídias, como cinema, videogames e até audiobooks para, por meio de cortes, transformar os contextos. “É uma espécie de ensaio visual sobre novos formatos e novos pensamentos, sobre como as imagens produzem pensamento”, explica o diretor.

São atrações da mostra amanhã (26): Recado pro mundão, às 14 horas; Eles vieram e roubaram sua alma, às 15h30; e Os pássaros estão distraídos, às 17 horas. Os outros dois — Não me fale sobre recomeços e Pedro Osmar, prá liberdade que se conquista — estarão em cartaz na terça-feira (27), às 14 horas e às 15h30, respectivamente.


Sessão especial de filme do diretor premiado Júlio Bressane

Amanhã (26) também haverá uma sessão especial com a primeira exibição do filme Beduíno, do diretor veterano Júlio Bressane — recordista de prêmios do Festival de Brasília. A trama acompanha um casal de atores que tenta encontrar conexões entre a vida e a arte por meio de repetições de interpretações. A projeção será às 19 horas, no Cine Brasília, com entrada franca.


Outro destaque de segunda-feira (26) é uma palestra do diretor Kleber Mendonça Filho, que ficou famoso com o filme O som ao redor e, mais recentemente, com Aquarius. O tema é direção cinematográfica. O evento será no salão Caxambu, do Kubitschek Plaza Hotel (Setor Hoteleiro Norte, Quadra 2, Bloco A), às 14h30, com acesso livre.


O 2º Festival de Filmes de Curta-Metragens das Escolas Públicas de Brasília chegará ao fim no mesmo dia. Os curtas vencedores da etapa de ensino médio, profissionalizante e da educação de jovens e adultos (EJA) serão exibidos a partir das 9h30, no Cine Brasília, com entrada franca. A primeira etapa foi premiada na sexta-feira (23), quando também houve uma homenagem ao diretor Sérgio Moriconi.


A última fase da mostra competitiva também será amanhã (26). Estarão em cartaz no Cine Brasília, às 21h30, o curta-metragem Os cuidados que se tem com o cuidado que os outros devem ter consigo mesmos e o longa Deserto. O ingresso custa R$ 12 (inteira).

 

COMENTÁRIOS