Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

AVIAÇÃO CIVIL: Novos rumos estão sendo debatidos em Encontro Internacional no Royal Tulip

Vigésima quinta edição do evento ocorre em Brasília até quinta-feira (10). O governador Rodrigo Rollemberg participou da abertura na manhã desta quarta-feira (9)

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, participou na manhã desta quarta-feira (9) da abertura da 25ª Assembleia, Conferência e Exposição Comercial Anual do Conselho Internacional de Aeroportos — América Latina e Caribe, no Royal Tulip Alvorada.

O chefe do Executivo local falou sobre os rumos da aviação civil e destacou a importância de parcerias com a iniciativa privada.


“Sabemos do papel fundamental dos aeroportos como integrador dos povos e como ente de desenvolvimento econômico nas cidades. A concessão do Aeroporto Internacional de Brasília foi fundamental para a melhoria da infraestrutura. A retomada da economia do País só será possível em parceria com a iniciativa privada”, disse, ao lado do ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella Lessa (PR); do secretário da coordenação de projetos do Programa de Parcerias e Investimentos do governo federal, Tarcísio Gomes de Freitas; do presidente da 25ª assembleia do conselho, Héctor Navarrete Muñoz; e do presidente do quadro de diretores da Inframerica, Martin Eurnekian.

 

Os encontros anuais do Conselho Internacional de Aeroportos reúnem líderes da indústria do setor na América Latina e do Caribe para debater os rumos da aviação civil na região.

 

O evento, que vai até quinta-feira (10) no Royal Tulip Alvorada, debaterá infraestrutura e financiamento dos aeroportos, aviação brasileira e estratégias para os próximos cinco anos, colaboração e integração na indústria, entre outros.

O Conselho Internacional de Aeroportos é composto por 591 membros, responsáveis pela operação de mais de 1,8 mil aeroportos em 177 países. A organização, uma das mais importantes do mundo no ramo aeroportuário, atua na articulação e no desenvolvimento de políticas na aviação civil.

 

COMENTÁRIOS