compartilhar

AEDES AEGYPTI: Saúde registra 23.542 casos suspeitos de dengue na Grande Brasília

Desse total, 2.104 pessoas foram diagnosticadas no Distrito Federal, mas residem em outras unidades da Federação

A Secretaria de Saúde registrou 19.784 casos confirmados de dengue desde o início deste ano, dos quais 17.680 são residentes de Brasília e 2.104, de outras unidades da Federação. Os dados fazem parte do informe epidemiológico nº 48, divulgado nesta terça-feira (29).


Segundo o documento, houve, no total, 23.542 casos suspeitos de dengue. Quase 90% desses pacientes moram em Brasília e o restante em outros lugares. Seis cidades-satélites (Brazlândia, Ceilândia, São Sebastião, Taguatinga, Planaltina e Samambaia) concentram 56% das notificações.


O boletim ainda mostra que 41 diagnósticos foram classificados como graves, e em 22 deles os pacientes morreram.

Febre chikungunya e zika vírus

A pasta ainda registrou 153 pessoas acometidas por febre chikungunya, também transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Desses, 35 pegaram a doença no DF e 58 em outras localidades.

No caso de outros 60 pacientes, segundo a secretaria, ainda não foi possível identificar onde provavelmente ocorreu a infecção.

Quanto ao zika vírus, o documento, que é divulgado semanalmente, mostra que foram confirmados 174 casos na Grande Brasília. Desses, 53 ocorreram no Distrito Federal e 13 em outros lugares.

Em 108 situações, não foi possível saber onde ocorreu a infecção. Há ainda 23 moradores de outros estados que foram diagnosticados aqui.

 

COMENTÁRIOS