compartilhar

FORÇA DE VONTADE: Idosa de 83 se forma em curso de extensão da Universidade de Brasília

O curso teve duração de dois anos e dá aos estudantes grau de educador político e social em gerontologia

Aos 83 anos, Abadia Crispim se formou na Universidade de Brasília (UnB). A cerimônia ocorreu na sexta-feira (9/12). A idosa fez parte da primeira turma do programa Universidade do Envelhecer, em Ceilândia.


Em entrevista ao DFTV, Abadia disse que está realizada. “É um sonho que virou realidade. Não tenho palavras para dizer quanto estou feliz. É uma conquista muito boa”, contou orgulhosa. O curso teve duração de dois anos e dá aos estudantes grau de educador político e social em gerontologia.


Quando Abadia chegou à capital, Brasília não tinha nem mesmo sido inaugurada. Para se manter, ela trabalhava como lavadeira e, devido a atividade, teve que deixar os estudos em segundo plano. Ela tem cinco filhas, 11 netos e 12 bisnetos.TV Globo/Reprodução


 

Sobre o projeto
O curso de Educador Político Social em Gerontologia visa capacitar adultos e idosos para que atuem na formação de uma sociedade inclusiva e sejam sujeitos ativos na construção de políticas para o envelhecimento, com valorização e dignidade humana.

Para isso, são ofertadas disciplinas de Autocuidado, Qualidade de Vida, Direito e Cidadania, Política e Educação, Atividade Física e Mobilidade, Música, Educação Gerontológica, entre outras. No último semestre, são realizadas atividades práticas para consolidar os conhecimentos adquiridos e o aluno deve elaborar Trabalho de Conclusão de Curso.

 

 

COMENTÁRIOS