compartilhar

LAGO PARANOÁ: Deck Sul chega a 80 por cento do projeto próximo à Avenida das Nações

Espaço de lazer e preservação às margens do Lago Paranoá terá estrutura de madeira de 551 metros para passeios a pé, entre outros equipamentos públicos

Parte do plano de recuperação da orla do Lago Paranoá, as obras do Deck Sul estão 80% executadas.

 

Próximo à Ponte das Garças, na Avenida das Nações (L4 Sul), o espaço de lazer e de preservação ambiental deverá ser entregue ainda neste semestre.

 

 

O deck de madeira está pronto, com guarda-corpo instalado na estrutura, que tem 551,06 metros de comprimento por 6 metros de largura. Na área, também se encontram pergolados — estruturas decorativas — de madeira e de metal, quadras poliesportivas, parques infantis, ciclovia e pista de cooper.

Parte do plano de recuperação da orla do Lago Paranoá, as obras do Deck Sul estão 80% executadas.

Parte do plano de recuperação da orla do Lago Paranoá, o Deck Sul está com 80% das obras executadas.

 

De acordo com a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap), quando finalizadas as obras, a previsão é receber 6 mil visitantes por semana. “O espaço representa, de fato, a democratização do uso do lago. Será um lugar de interação, preparado para que a população use com segurança e conforto”, explica o diretor-presidente da companhia, Júlio Menegotto.

O Deck Sul contará ainda com 7,4 mil metros quadrados de calçadas, ponto de encontro comunitário (PEC), circuito com equipamentos para ginástica, quadras de vôlei, estacionamento, bancos de madeira e de concreto, estruturas para tênis de mesa e para jogos de dama ou xadrez, chuveiros, lixeiras e bebedouros.


Haverá também 70 mil metros quadrados de grama e mil árvores, como buriti, ipê-roxo, ipê-amarelo e jerivá.

As obras foram iniciadas em dezembro de 2015. O investimento é de R$ 10.733.370,10 — recurso de convênio entre a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, a Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap) e a Novacap.

 

COMENTÁRIOS