compartilhar

PAGANDO PASSAGENS: Estudantes da UnB reclamam de bloqueio do passe livre

Por conta da ocupação do local, o semestre letivo precisou ser estendido até fevereiro. DFTRans diz que liberou sistema

Estudantes da Universidade de Brasília (UnB) estão reclamando do bloqueio do passe livre estudantil durante o mês de janeiro.

 

Eles dizem que, por conta da ocupação do local, ocorrida no fim do ano passado, o semestre letivo precisou ser estendido até fevereiro, como forma de reposição das aulas.

 

E, devido ao bloqueio do cartão, estão tendo que pagar passagem para ir às aulas. É o caso de Frederico Piontkowski, 21 anos, que cursa gestão ambiental no campus de Planaltina.

“Estou gastando cerca de R$ 60 por semana para ir à faculdade. Não tenho como manter isso. Faço estágio, e, além das aulas, preciso ir para a biblioteca estudar”, reclama.


Por conta das férias, o DFTrans fez o bloqueio do passe livre estudantil durante o mês de janeiro. Apenas aqueles alunos que estão fazendo cursos de verão têm o benefício liberado, mediante declaração que comprove o curso.


 

A reportagem fez contato com a Universidade de Brasília. Em nota, a instituição respondeu que já encaminhou lista para o DFTrans com os nomes dos estudantes que estão cursando disciplinas de verão ou fazendo reposição de aulas, devido à extensão do semestre letivo. De acordo com a universidade, todas as exigências já foram cumpridas, e a responsabilidade pela liberação dos cartões, agora, é do órgão.

 

O outro lado
De acordo com o DFTrans, “estudantes da UnB que constam na lista enviada pela universidade tiveram o passe livre liberado a partir desta segunda-feira (23)”. O órgão explica que “o estudante deve passar o cartão no validador duas vezes, sendo a primeira para atualizá-lo e a segunda para liberá-lo.”

Caso o problema persista, é necessário comparecer ao posto do DFTrans na Galeria dos Estados para verificar a situação do cartão.

 

Fonte: *Via Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS