compartilhar

FALHA NO MOTOR: Avião da Gol com destino ao Rio suspende decolagem no aeroporto de Brasília

Passageiros tiveram de desembarcar da aeronave, diz administradora de terminal brasiliense. Este é o segundo caso em uma semana

Um avião da Gol suspendeu a decolagem no aeroporto de Brasília nesta quinta-feira (26). O problema ocorreu por causa de uma falha no motor.

 

O voo 2061 iria decolar da capital federal às 9h44 para o Aeroporto de Santos Dumont, no Rio de Janeiro.


De acordo com a Inframerica, que administra o terminal brasiliense, os 107 passageiros tiveram de desembarcar da aeronave. Eles terminaram de reembarcar na mesma aeronave por volta das 11h47.


Segundo a Gol, houve "uma limitação técnica no momento da partida de um dos motores", em solo, antes de iniciar o taxiamento para decolagem. A empresa diz que a aeronave retornou ao estacionamento para verificações da equipe de manutenção da companhia. "A Gol ressalta que este é um procedimento de prevenção e de segurança, comum na aviação."

A aeronave foi liberada pela equipe de manutenção e deve seguir viagem às 12h.

 

A companhia disse lamentar os transtornos causados e afirmou que "todas as medidas são para garantir a segurança, item prioritário de sua política de gestão".


O avião que teve problemas é de modelo 737-700 da Boeing. O voo seria feito em uma hora e quarenta minutos e estava previsto para pousar no Rio de Janeiro às 11h19. A empresa não quis dizer quando foi realizada a última manutenção.


A aeronave foi construída em 1999 e desde 2005 opera com a Gol. Ele tem capacidade para levar 138 passageiros e 61 toneladas divididas entre bagagem e combustível.


 

Segundo caso em uma semana

 

Este é o segundo problema que ocorre com um avião da companhianesta semana em Brasília. Na segunda (23), um avião que sairia de Brasília para Boa Vista, em Roraima, teve falha no trem de pouso, precisou voltar para a capital federal e ficou sobrevoando a cidade por quase três horas antes de pousar.

Avião da Gol que precisou sobrevoar DF por quase três horas antes de pousar (Foto: TV Globo/Reprodução) Avião da Gol que precisou sobrevoar DF por quase três horas antes de pousar (Foto: TV Globo/Reprodução)

Avião da Gol que precisou sobrevoar DF por quase três horas antes de pousar 


A situação ocorreu porque o trem de pouso não se recolheu. Como as rodas continuaram para o lado de fora, o piloto do voo da Gol decidiu voltar para o Aeroporto JK por segurança. Antes disso, teve que "gastar combustível" para diminuir o peso da aeronave.

O avião, que levava 130 passageiros, pousou à 1h30. Os ocupantes começaram a desembarcar meia hora depois. "Trinta minutos de voo, o avião não subia, ficava naquela mesma, aí a gente percebeu que estava dando volta em Brasília. E [o piloto] avisou que a gente teria que retornar pra cá", disse o apresentador Erli Fernandes.

Percurso que avião da Gol fez antes de pousar no Aeroporto JK 

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS