compartilhar

PROTEGER A CORTE: STF vai contratar 47 seguranças armados

O pacote prevê ainda outros 102 seguranças e custo anual de quase R$ 13 milhões

O Supremo Tribunal Federal (STF) abriu uma licitação para contratar 149 seguranças, entre eles 47 armados com pistolas calibre .380, para atuar na proteção dos ministros, funcionários e na vigilância do prédio da Corte.

 

O valor anual estimado com a contratação é de R$ 12,9 milhões.


Resultado de imagem para SEGURANÇA DO STFO contrato prevê, ainda, que seguranças façam diariamente a vistoria de volumes, correspondências e objetos suspeitos recolhidos nas casas dos ministros, não deixem postos de trabalho sem cobertura e evitem conversas com outros funcionários "que não digam respeito ao serviço".

 

Além disso, segundo o edital, devem fiscalizar a rota da residência dos magistrados, "sempre em horários variados".

 

Fonte: *Via Época/Clipping

COMENTÁRIOS