compartilhar

R$ 5,5 MILHÕES: Corpo de Bombeiros recebe 21 ambulâncias e um drone

Em cerimônia na manhã desta sexta-feira (3), o governador Rollemberg entregou as viaturas e o equipamento aéreo, que vão proporcionar maior eficiência no trabalho da corporação

“O tempo de resposta do nosso Corpo de Bombeiros no resgate de vítimas é de 8 minutos, o menor do Brasil. As novas viaturas chegam para dar ainda mais rapidez ao trabalho”Rodrigo Rollemberg, governador


O Corpo de Bombeiros recebeu 21 ambulâncias na manhã desta sexta-feira (3) para reforçar o trabalho da corporação em 15 regiões administrativas.

 

A solenidade de entrega ocorreu na Praça do Relógio, em Taguatinga, e teve a participação do governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg. Também foi entregue à corporação um drone — equipamento controlado por controle remoto para fazer imagens aéreas.

As viaturas foram entregues em cerimônia na manhã desta sexta-feira (3), pelo governador Rollemberg, e vão proporcionar maior eficiência no trabalho da corporação
As viaturas foram entregues em cerimônia na manhã desta sexta-feira (3), pelo governador Rollemberg, e vão proporcionar maior eficiência no trabalho da corporação. 

O governo investiu R$ 5.480.874 na compra dos veículos, montante vindo do Fundo Constitucional do DF. Cada um custou R$ 260.994. “O tempo de resposta do nosso Corpo de Bombeiros no resgate de vítimas é de 8 minutos, o menor do Brasil. As novas viaturas chegam para dar ainda mais rapidez ao trabalho”, disse o governador.

Os veículos têm porta esquerda, que possibilita mais segurança para o paciente, desfibrilador com tecnologia mais moderna e econômica e revestimento interno mais resistente e prático para limpeza.


A corporação tem agora 50 ambulâncias para atender todo o Distrito Federal. “Elas serão distribuídas pelas regiões administrativas e podem ser realocadas de acordo com a necessidade”, explicou o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Hamilton Santos.

Os veículos serão distribuídos para Brazlândia, Ceilândia, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Paranoá, Planaltina, Plano Piloto, Recanto das Emas, Samambaia, Santa Maria, São Sebastião, Setor de Indústria e Abastecimento, Sobradinho e Taguatinga.


Equipamento aéreo facilitará trabalho da corporação

O drone recebido hoje pelo Corpo de Bombeiros é o primeiro aparelho do tipo adquirido pela Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social. Ele custou ao governo R$ 21 mil, vindos do Fundo Constitucional do DF. O equipamento possibilitará a análise mais apurada de regiões afetadas por incêndios, por exemplo, sem colocar em risco a integridade física dos bombeiros.

Com esse suporte aéreo, as situações de risco poderão ser analisadas com maior precisão e, dessa maneira, o planejamento das ações será mais eficaz e rápido. O aparelho também pode ser usado para orientar possíveis vítimas que se encontrarem em lugares de difícil acesso. “Ele será muito importante no sentido de se ter uma visão mais completa do ambiente onde ocorreu um acidente. Isso vai diminuir ainda mais o tempo de resposta no salvamento de vidas”, disse o governador.


O sistema é capaz de armazenar as informações, além de conseguir voltar ao ponto de partida caso a comunicação com o operador seja interrompida ou a bateria estiver acabando. As imagens podem ser transmitidas em tempo real e em alta definição.

 

COMENTÁRIOS