compartilhar

VEM CHUMBO GROSSO POR AÍ: Luiz Estêvão prepara da cadeia artilharia contra RR e P.O.

É por trás das grades  que a guerra está sendo traçada


O empresário e ex-senador Luiz Estêvão, que cumpre pena de 30 anos de prisão, tem levado uma vida de nababo nas dependências da Papuda, maior sistema penitenciário da capital da República.


É verdade que, por essa postura de rei ladrão ao lado de súditos que roubaram cofres públicos como ele roubou, Luiz Estêvão recebe eventuais castigos. São petelecos na orelha e dias intermináveis na solitária.

Resultado de imagem para ex senador luiz estevao na prisão são paulo

Nas noites insones de uma cela fria, onde carrapatos sugam o corpo que Luiz Estevão alimentou com dinheiro alheio, o sangue ferve. Ele remói vingança. E começa a traçar a melhor estratégia para atingir seus dois maiores rivais nas esferas política e econômica.


Os alvos são o governador Rodrigo Rollemberg, a quem Escovão, como Luiz Estêvão é conhecido na intimidade, atribui perseguição dentro da prisão, e Paulo Octávio, acusado de minar os negócios do preso-empresário nas áreas de imóveis e automóveis.

Dossiês estão sendo desarquivados. Páginas amareladas são manuseadas por Luiz Estevão na Papuda. São esses papeis que irão servir de combustível para fazer a artilharia andar.

Resultado de imagem para ex senador luiz estevao na prisão são paulo

As armas serão palavras escritas. Os franco-atiradores são profissionais que vendem sua pena a pesa de ouro – não da pena, mas do corpo.


Os primeiros ataques estão programados para serem desfechados em meados de março. No mais tardar, em abril, quando os fogos de artifício do aniversário de Brasília serão ofuscados por velhas verdades requentadas.

 

Fonte: *Via Notibras/Clipping

COMENTÁRIOS