compartilhar

MISTÉRIOS NAS ÁGUAS: Polícia investiga morte de bebê encontrado no Lago Paranoá

Corpo foi encontrado por homem que andava de moto aquática. Bombeiros fazem varredura no lago para buscar outro corpo que possa ter se afogado com criança.

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga as causas da morte de um bebê de aproximadamente oito meses encontrado boiando no Lago Paranoá na tarde deste domingo (9).

Segundo bombeiros, o corpo foi visto por um homem que andava de moto aquática próximo à Península dos Ministros, no Lago Sul, por volta das 17h30.


O bebê – um menino – estava com calça de moletom, regata e uma chupeta presa à camisa. O corpo foi encaminhado ao IML para exames. As investigações estão sob a responsabilidade da 1ª DP, na Asa Sul.


Por volta das 6h desta segunda (10), os bombeiros começaram a fazer uma "varredura" nas proximidades de onde o bebê foi encontrado para verificar se não há outro corpo no lago.


Da acordo com o tenente Luiz Xavier, responsável pelo Grupamento de Busca e Salvamento, os bombeiros consideram a hipótese de que a morte foi acidental. "Pode ter acontecido de alguém cair na água com o bebê, ou estar brincando com ele e ter se afogado junto", disse. "Mas um corpo adulto leva de 48 a 72 horas para boiar."

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS