compartilhar

SEM CONTRATO: Polícia Militar está há seis meses sem telefone fixo em quartéis

Militares precisam acionar o 190 para falar com equipes de outras unidades. Pelo menos 230 números estão desativados, segundo os policiais.

Batalhões da Polícia Militar no Distrito Federal estão há pelo menos seis meses sem telefones fixos.

 

Em cidades-satélites populosas como Taguatinga, Ceilândia e Recanto das Emas, as equipes estão incomunicáveis porque os números não funcionam.

O comando da PM diz estar tentando renovar os contratos de telefonia durante todo o esse tempo, sem sucesso.


A lista de números que pertencem, em tese, à PM de Brasília está disponível no site da corporação. Há pelo menos 230 números que começam com o prefixo 3910. Segundo a PM, nenhum desses telefones estava funcionando nesta segunda-feira (10).Resultado de imagem para TELEFONE CORTADO

Militares que não quiseram ser identificados afirmaram ao G1 que a comunicação interna está prejudicada. Em alguns casos, eles precisam ligar para o 190 – número da central de atendimento à população – para falar com equipes de outras unidades.

A comunicação da PM afirmou à TV Globo que os quartéis têm telefones celulares para facilitar o contato entre os policiais e os moradores. Mesmo assim, a recomendação é ligar para o 190 em casos de emergência.

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS