compartilhar

PARTIDO DOS TRABALHADORES: Deputada Érika Kokay vai disputar comando do PT no Distrito Federal

Duas das 13 correntes se uniram em torno da parlamentar, primeiro a ser definido para substituir Roberto Policarpo no comando da legenda

O Partido dos Trabalhadores no DF começa a definir os candidatos para as eleições internas.

 

Depois de oito anos no comando da legenda, Roberto Policarpo será substituído, em eleições a serem realizadas em junho deste ano.

 

Das 13 correntes internas do PT, duas decidiram nesta terça-feira (25/4) apoiar a deputada federal Érika Kokay para disputar o cargo. Ela será o nome da Articulação Unidade na Luta, formada pela Articulação e PT de Lutas.


As outras correntes ainda não divulgaram qual nome apoiarão para concorrer ao cargo, que tem mandato de dois anos.

O novo presidente será escolhido durante o congresso do partido, batizado de Marisa Letícia, entre 5, 6 e 7 de junho. As eleições devem ser no último dia do evento.


Érika Kokay foi presidente do Sindicato dos Bancários e da Central Única dos Trabalhadores (CUT), deputada distrital e está no segundo mandato na Câmara dos Deputados.


 

“Ela tem todas as credenciais para dirigir o Partido dos Trabalhadores nesse momento. Conta com todo o apoio da Articulação Unidade na Luta”, afirmou o deputado distrital Chico Vigilante.

Segundo ele, haverá ainda uma conversa com as demais correntes internas do partido para apresentar o nome de Érika Kokay como uma unanimidade para as eleições.

 

Fonte: *Via Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS