compartilhar

AVENIDA DAS NAÇÕES: Suspeitos de provocar acidente de carro que matou mãe e filho num racha na Via L4 são identificados

Dois homens maiores de idade e com habilitação para dirigir são suspeitos de terem provocado acidente e fugido. Polícia Civil aguarda apresentação espontânea para prestar depoimentos.

O delegado responsável pela investigação do acidente de trânsito que provocou a morte de uma mulher de 69 anos e do filho, de 46, neste domingo (30), Gerson Sales, informou que dois homens envolvidos na ocorrência foram identificados.

 

Segundo ele, ambos são maiores de idade e têm habilitação para dirigir. O caso está sendo apurado pela 1ª DP, na Asa Sul.


De acordo com Sales, como os suspeitos não foram detidos em flagrante, a expectativa é que eles se apresentem espontaneamente para prestar depoimento. Os dois podem responder por "homicídio com dolo eventual".


O advogado dos envolvidos esteve na delegacia na manhã desta segunda (1º) e "negociou a apresentação [dos acusados]", segundo a Polícia Civil. Até a publicação desta reportagem nenhum acordo havia sido feito.

 

“Estamos tentando entrar em contato com eles para fazer todas as oitivas até o final da semana. Precisamos de laudo pericial e de outras informações de testemunhas do acidente", disse Sales.

 

O delegado afirmou que outra pessoa envolvida no acidente foi ouvida fora dos autos, mas não deu detalhes do depoimento informal. “Vamos primeiro tipificar qual o crime, analisar o comportamento e o histórico [dos suspeitos] para decidir ou não pelo pedido de prisão." Segundo ele, mais testemunhas precisam ser ouvidas para esclarecer as circunstâncias do acidente.


"A gente precisa ouvi-las para saber a responsabilidade de cada um, saber quem estava conduzindo cada veículo e definir se foi crime de racha ou se foi homicídio. Por enquanto, ainda está muito preliminar para dizer qualquer coisa."


Segundo o delegado de plantão na 1ª DP nesta segunda, Ataliba Nogueira, há cerca de 30 policiais nas ruas em busca de outros dois motoristas envolvidos no acidente.

 

Entenda o caso

 

Mãe e filho morreram em acidente de trânsito provocado por dois carros que faziam Mãe e filho morreram em acidente de trânsito provocado por dois carros que faziam "racha" na L4 Sul

O acidente ocorreu por volta das 19h30 deste domingo (30), próximo à Ponte das Garças, na L4 Sul. Um dos motoristas que participava do susposto "racha" perdeu o controle e atingiu o carro de uma família. Cleusa Maria Cayres, de 69 anos, e o filho Ricardo Clemente Cayres, de 46, que estavam no banco de trás, morreram na hora.


Segundo os Bombeiros, com o impacto do choque, o carro invadiu o gramado lateral, bateu em uma árvore e voltou para a pista capotando. Outras duas pessoas que estavam no carro foram levados ao Hospital de Base. Uma de 37 anos – não identificada – estava "consciente, desorientada e estável". A outra, o pai da família, de 72 anos, foi socorrido com ferimento na cabeça e lesão no braço direito. Os demais motoristas envolvidos não tiveram ferimentos.


Quando os agentes do Departamento de Estradas e Rodagens (DER) chegaram ao local, por volta das 20h, o motorista que provocara o acidente havia abandonado o carro. O veículo parou a cerca de 200 metros de distância do ponto de colisão. Outros dois carros que estavam no local eram conduzidos por um homem e uma mulher que, segundo o DER, apresentavam sinais de embriaguez.

Os Bombeiros não confirmaram que os motoristas estavam participando de um "racha" antes do acidente. Segundo os militares, testemunhas relataram que os carros estavam em alta velocidade, mas "a perícia da Polícia Civil deve apurar o que ocorreu".

Carro que provocou acidente que matou mãe e filho em Brasília abandonou o carro após colisão (Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS