compartilhar

NO GUARUJÁ: Polícia Civil de Brasília prende um dos maiores receptadores de joias do país no litoral paulista

A prisão é um desdobramento da Operação Condominus, deflagrada durante a Semana Santa. Suspeito estava no Guarujá

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu Carlos Alberto Diegues, conhecido como Carlinhos Português, acusado de ser um dos maiores receptadores de joias e relógios de luxo do país.

 

A prisão ocorreu no Guarujá (SP), nesta segunda-feira (1/5), e faz parte da Operação Condominus.

Carlinhos é acusado de fazer parte de uma organização criminosa especializada na compra e revenda internacional de produtos roubados.

 

Na casa dele, a Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos (DRF) apreendeu R$ 133 mil; US$ 10 mil (R$ 30 mil); e aproximadamente US$ 100 mil (R$ 300 mil) em joias roubadas.

Com a prisão de Carlos, a DRF encerrou a quarta fase da Operação Condominus, iniciada na Semana Santa, na qual houve também a prisão de Giuliana Donayre Custódio e do companheiro dela, Rafael da Silva Souza.

 

Ao todo, 14 acusados de fazer parte de uma quadrilha que assaltava condomínios de luxo no Distrito Federal, no Rio de Janeiro, em Mato Grosso e em Minas Gerais já foram colocados atrás das grades.(*Por Márcia Delgado)

PCDF/Divulgação

 

Fonte: *Via Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS