compartilhar

BÊBADO AO VOLANTE: Detran aumenta 54 por cento número de autuações de janeiro a abril

São 2.415 multas a mais que no mesmo período de 2016, quando foram flagrados 4.449 condutores dirigindo sob efeito de álcool.

As ofensivas do Departamento de Trânsito do Distrito Federal, para tirar das vias públicas os condutores que insistem em dirigir embriagados, aumentaram em 54% a quantidade de autuações por alcoolemia de janeiro a abril deste ano, se comparado ao mesmo período do ano passado.

Nos primeiros quatro meses deste ano, a fiscalização de trânsito do Detran autuou 6.864 condutores alcoolizados.

 

São 2.415 multas a mais que no mesmo período de 2016, quando foram flagrados 4.449 condutores dirigindo sob efeito de álcool. O número deste ano é preliminar, pois ainda existem multas em processamento.


Mortes no trânsito caem 56,8% em abril

A intensificação das operações coercitivas está mudando o perfil do trânsito na Grande Brasília. Somente no mês de abril deste ano, foi registrada uma queda de 56,8% de mortes em acidente de trânsito no Distrito Federal, se comparado a abril do ano passado. Foram 44 vítimas fatais, em 2016, contra 19 agora.

Somados os quatro primeiros meses deste ano, também foi registrada uma redução de 36,5% de mortes no trânsito em relação a 2016, quando foram registradas 115 vítimas fatais, contra 73 de janeiro a abril deste ano.


Fiscalização

O Detran vem intensificando as operações de trânsito em todo Distrito Federal. De janeiro a abril de 2016, equipes da Diretoria de Fiscalização realizaram 503 operações contra 602 realizadas este ano. Um aumento de 19%.

O diretor-geral do Detran, Silvain Fonseca, atribui esse resultado à intensificação da fiscalização pelos órgãos de trânsito e às rigorosas operações Lei Seca que resultaram no aumento das autuações por alcoolemia nas ruas, avenidas e estradas-parques do Plano Piloto e cidade-satélites. Somam-se a isso, as campanhas educativas e as intervenções realizadas nas vias com base em estudos da Engenharia e da Estatística de trânsito do órgão.


Infrações por alcoolemia

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, dirigir sob a influência de álcool é infração gravíssima, com multa no valor de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir. Caso ocorra a reincidência no período de até 12 meses, isso acarreta multa em dobro, ou seja, R$ 5.869,40.

 

Fonte: *Via JBr/Clipping

COMENTÁRIOS