compartilhar

QUEBRA-QUEBRA NA ESPLANADA: “Esse tipo de manifestação não respeita a democracia”, diz Rollemberg

Para o governador, é preciso protestar de forma respeitosa, “sem colocar em risco a integridade das pessoas e do patrimônio público”

O governador do Distrito Federal Rodrigo Rollemberg (PSB) repudiou as ações violentas de manifestantes na Esplanada dos Ministérios, nesta quarta-feira (24/5).

 

O socialista afirmou que é preciso protestar de forma respeitosa. “Vivemos em um estado de direito democrático. Temos a obrigação de nos manifestarmos de forma respeitosa”, enfatizou.


Para Rollemberg, violência apenas gera violência. “Esse tipo de manifestação não respeita a democracia. É preciso fazer de forma respeitosa, sem colocar em risco a integridade das pessoas e do patrimônio público”, completou.


A manifestação contra as reformas da Previdência e Trabalhista e o presidente Michel Temer (PMDB) começou no fim da manhã e se transformou em um verdadeiro confronto na Esplanada dos Ministérios. Por volta das 13h40, a situação fugiu ao controle da Polícia Militar e os manifestantes quebraram janelas e incendiaram ministérios, que foram evacuados.

 

Alguns jogaram hastes de bandeiras, pedaços de madeira, cano de PVC e até uma bomba caseira contra policiais, que revidaram com gás de pimenta e bombas de gás lacrimogêneo.Uma pessoa foi baleada. O clima até 16h20 era de guerra.

 

De acordo com o último balanço divulgado esta tarde pela Secretaria de Segurança Pública e Paz Social, 35 mil pessoas na Esplanada participaram do protesto.

Daniel Ferreira/Metrópoles

 

Fonte: *Por:Manoela Alcântara/Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS