compartilhar

FAC DO GDF: Fundo de Apoio à Cultura tem 442 projetos aprovados com R$ 35 milhões de investimento

Resultado preliminar foi divulgado pela secretaria. Investimento referente a editais de 2016 é de R$ 35,4 milhões Comentar

Dos 1.817 projetos inscritos nos quatro editais do Fundo de Apoio à Cultura (FAC), foram aprovados 442.

 

De acordo com a Secretaria de Cultura, as propostas referentes à seleção de 2016 totalizam investimento de R$ 35,4 milhões.


Os selecionados têm dez dias após publicação do resultado preliminar no Diário Oficial do Distrito Federal — prevista para a próxima segunda-feira (5) — para entrar com recursos.

Após essa etapa, o resultado final será homologado.


Pela primeira vez, o fundo contempla projetos regionalizados e transversais, que dialogam com outras áreas, como ações em unidades educacionais e no sistema socioeducativo.

Resultado de imagem para FAC DF

“Este bloco amplia acesso de artistas aos mecanismos de fomento, bem como descentraliza os recursos para fortalecer a cultura nas várias localidades da Grande Brasília”, reconhece o secretário de Cultura, Guilherme Reis.


Os primeiros resultados de mérito foram dos editais FAC Manutenção de Grupos e Espaços e FAC Ocupação, divulgados em abril. Eles selecionaram 18 e 94 projetos, respectivamente, com um total de R$ 9.057.596,68 de incentivo.


O resultado desse bloco de editais se completa com a divulgação dos 89 projetos do FAC Regionalizado, para o qual serão investidos R$ 6,4 milhões, e dos 241 do tradicional FAC Áreas Culturais, com previsão de R$ 20 milhões para execução em 12 categorias: artesanato; artes plásticas, visuais e fotografia; cultura popular e manifestações tradicionais; dança; design e moda; literatura, livros e leitura; manifestações circenses; música; ópera e musical; patrimônio histórico e artístico material e imaterial; radiodifusão; e teatro.

Resultado de imagem para FAC DF

As propostas foram avaliadas por um grupo de profissionais aptos a emitir pareceres técnicos e de mérito cultural, selecionados por meio de edital de credenciamento.

Os pareceristas reuniram-se ao longo das últimas duas semanas para se debruçar sobre os projetos, separados por linhas de atuação. Eles também fizeram análise técnica da planilha orçamentária.


De acordo com a Subsecretaria de Fomento e Incentivo Cultural, foram mobilizados 230 novos entes e agentes culturais para atendimento presencial e para 839 por e-mail. A pasta também analisou 1,5 mil pedidos de renovação e credenciamento no cadastro de ente e agente cultural (Ceac).

Acesse os resultados de mérito cultural — FAC Áreas Culturais e FAC Regionalizado — e as listas de projetos contemplados — FAC Áreas Culturais e FAC Regionalizado.


Veja também o resultado de mérito cultural dos editais FAC Ocupação e FAC Manutenção de Grupos e Espaços.

Número de projetos aprovados do novo bloco de editais do FAC

Áreas Culturais: 241 projetos — R$ 19.991.332,15

Ocupação: 94 projetos — R$ 4.697.347,38

Regionalizado: 89 projetos — R$ 6.394.250,03

Manutenção de grupos e espaços: 18 projetos — R$ 4.360.249,3o

 

COMENTÁRIOS