compartilhar

VESTIMENTAS: Câmara Distrital suspende portaria que barrava roupas curtas, bermudas e bonés

A Polícia Legislativa terá 20 dias, prorrogáveis por mais 20, para reavaliar a norma

A Câmara Legislativa suspendeu por 20 dias (prorrogáveis por mais 20) a portaria que impedia a entrada de pessoas na Casa com “roupas sumárias”.

 

Estavam proibidas de entrar no Legislativo local as pessoas com camisetas regatas, bermudas, roupas muito curtas, shorts e até bonés.

O ato que determina a suspensão foi publicado no Diário da CLDF, nesta terça-feira (13/6), pelo secretário-geral André Luiz Perez Nunes.


As regras para acesso à Câmara foram divulgadas no dia 7/6 em portaria assinada pelo coordenador da Polícia Legislativa, Valdinei Cordeiro Coimbra.

O funcionário terá que apresentar um novo texto após ouvir as comissões de Direitos Humanos, Decoro Parlamentar e Assuntos Sociais.

Reprodução

Na época da divulgação da portaria, a Comunicação Social da Câmara informou que a norma regulamentava o ato da Mesa Diretora 24 de 2011. E que as medidas implementadas pela Casa eram baseadas nos mesmos parâmetros adotados pela Câmara dos Deputados, Senado Federal, Tribunal de Justiça do DF (TJDF) e Ministério Público do DF (MPDF).


 

A única diferença era o boné, pois o objeto atrapalharia a identificação dos visitantes por meio das câmeras de vigilância.

 

Fonte: *Via Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS