compartilhar

PM NÃO CUMPRE CONTRATO: Viaturas sucateadas impedem Polícia Militar de proteger dinheiro do Banco Central

BANCO CENTRAL PAGA R$110 MIL/MÊS À PM, QUE NÃO PRESTA SERVIÇO

Veículos blindados e não-blindados de diversos batalhões da Polícia Militar de Brasíia estão parados por falta de peças e manutenção, apesar de a corporação ter um contrato de quase R$ 6,8 milhões com o Banco Central que poderia bancar a manutenção de quase toda a frota da polícia.

 

São mais de 3,8 mil viaturas da PM/DF. A corporação diz não saber precisar o número total de veículos indisponíveis, diz apenas que a grana vinda do contrato do BC não pode ser usado para manutenção. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

 

Desde 2001, a PM tem um contrato de (atuais) R$ 1,35 milhão/ano, R$110 mil por mês, para a escolta de veículos do Banco Central.

Segundo a PM, a grana do BC é destinada à compra de equipamentos para as unidades envolvidas diretamente no contrato.

A PM/DF informou que por dia são cerca de 745 viaturas realizando rondas nas ruas do Distrito Federal, em média.

 

Fonte: *Via Diário do Poder/Clipping

COMENTÁRIOS