compartilhar

PARÓQUIA SÃO PAULO: Depredação em igreja no Guará será apurada por delegacia especializada. VEJA FOTOS

O local estava preparado para a Festa do Padroeiro, neste fim de semana, mas um homem entrou na igreja e destruiu quase tudo

AS FOTOS DA DESTRUIÇÃO ESTÃO ABAIXO, COMO TAMBEM EXPLICAÇÃO PARA VOCÊ ENTENDER O CASO E SABER O QUE OS PAROQUIANOS ESTÃO PRECISANDO.

 

A conduta do vândalo que invadiu e depredou a Paróquia São Paulo Apóstolo, na QE 7, no Guará, será investigada pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa ou por Orientação Sexual ou contra a Pessoa Idosa ou com Deficiência.

O homem quebrou móveis, janelas, eletrodomésticos e panelas. O local estava preparado para a Festa do Padroeiro, neste fim de semana.


“Isso é inadmissível. Quero repudiar de forma veemente essa atitude e solicitarei todo rigor e toda agilidade para poder apurar imediatamente o ocorrido”, reforçou.

O padre Sérgio Murilo Severino, entretanto, não acha que o ataque tenha conotação religiosa.

 

Ele disse que conhece o rapaz e que o ajuda com mantimentos, como cestas básicas, gás de cozinha.”Ontem, fui com ele comprar remédios e ele já estava transtornado, dizia que alguém queria matá-lo. Gritava para chamarem a imprensa, que as pessoas queriam roubar sua casa”, relatou.


 

Para o padre, a intenção do homem seria furtar alguma coisa da paróquia, mas como foi surpreendido, surtou. Apesar do susto, ele agradece a todos pela solidariedade.

 

O homem de 43 anos foi preso no início da madrugada desta sexta-feira (30/6) por volta de 00h30, depois de invadir a igreja quebrar móveis, eletrodomésticos e destruir a ornamentação que estava preparada para a festa junina, programada para ocorrer à noite.

Policiais militares foram acionados por moradores que ouviram barulho dentro do templo. Quando a PM entrou na igreja, encontrou o homem com duas facas e aparentando total descontrole. Segundo a corporação, ele partiu para cima dos policiais gritando: “Eu não tenho medo de morrer. Atira, eu vou matar vocês”.

Depois que dominaram o criminoso, os policiais fizeram uma vistoria na igreja. Foram encontradas janelas quebradas e panelas amassadas. Três geladeiras e um freezer também foram danificados. O suspeito espalhou alimentos pelo chão e pisoteou pacotes de carne bovina. Ainda segundo a PM, o salão ficou todo destruído. O criminoso foi levado para 1ª Delegacia de Polícia, assinou um termo de compromisso e foi liberado.

Após a ocorrência, moradores e fiéis se reuniram na igreja para ajudar a reparar os estragos e preparar o templo para a festa juniNA.

Quem quiser ajudar pode entrar em contato pelo telefone: (61) 3382-4236. Paroquianos estão precisando de:
250 litros de leite
200 espigas de milho
35 kg de arroz
25 kg de açúcar
10 litros de óleo
15 litros de pinga
20 kg de paleta
100 kg de carne de sol

 

COMENTÁRIOS