compartilhar

SANDUÍCHES NO PREGÃO: Câmara Legislativa quer gastar R$ 125 mil com kits de lanche para estudantes

Casa publicou a abertura da licitação para comprar 12,5 mil kits para estudantes que participam de palestras realizada naquela casa.

A Câmara Legislativa do Distrito Federal prepara uma licitação para comprar 12,5 mil kits de lanche destinados a estudantes de escolas públicas que participam de palestras na Casa.

 

A previsão do gasto é de R$ 125 mil. A proposta foi publicada no Diário da Câmara de quinta-feira (27/7), e a sessão para escolha da empresa que fornecerá os alimentos está marcada para 10 de agosto.

Cada kit tem um sanduíche de pão de forma integral, com presunto e queijo, um suco de 300ml, uma banana-passa sem açúcar e um guardanapo — o valor é de R$ 10.

Imagem relacionada

Eles serão entregues a estudantes da rede pública que participarem do Projeto de Educação para a Cidadania, realizado pela Escola do Legislativo (Elegis). As palestras são feitas por um servidor da Casa, que explica as funções do Poder Legislativo.

Segundo a Câmara, a distribuição do lanche é necessária já que “a atividade é realizada no horário de aula e os alunos teriam lanche na escola”.

 

Mas, nos últimos anos, o número de alunos atendidos foi bem menor do que os 12,5 mil kits previstos para a nova licitação. Em 2015, apenas 235 estudantes participaram dos projetos. Em 2016, foram 91 eventos especiais realizados pela Elegis ao longo do ano, com a presença de 7.637 alunos e 438 professores.

Das palestras realizadas no ano passado, 52 entraram no projeto “Cidadão do Futuro”, para 4.704 alunos do ensino fundamental. Outras três foram destinadas a 242 universitários; 35 receberam 2.675 estudantes do ensino médio e uma foi para 16 idosos.

Segundo a Câmara, além dessas, houve duas sessões do filme “Catadores de Histórias”, para 135 crianças; e o “Projeto Plenarinha da Educação Infantil”, com 1.515 alunos. Se contarmos todos esses estudantes, o total foi de 9.287 crianças, adolescentes e idosos recebidos na Casa em 2016.

Transporte
Além do lanche, a Câmara oferece o transporte dos alunos e professores da escola até a sede da CLDF, que fica no Setor de Indústrias Gráficas (SIG) e um “Kit Cidadão”, com uma bolsa, um bloco de anotações, um marcador de página e uma caneta. Os gastos que constam na abertura da licitação dos kits de lanche, no entanto, se referem somente à alimentação.


A Casa informou que o valor de R$ 125 mil da abertura do pregão é a média de preços que vai para o certame, mas isso “não significa que a licitação será concluída nesse preço, podendo ficar bem abaixo do valor em referência”.

 

 

Fonte: *Via Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS