compartilhar

RESPONSABILIDADE FISCAL: GDF diz que pretende cortar ainda mais os cargos comissionados

Com dificuldades para sair do limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o Executivo segue com algumas restrições impostas por esta Lei

Atravessando uma das maiores crises financeiras de sua história, e envidando todos os esforços para enxugar a máquina pública nos últimos 2 anos e meio, o governo do Distrito Federal pretende cortar ainda mais os cargos comissionados nas Secretarias e Administrações Regionais.

 

De acordo com interlocutores consultados, com a diminuição dos repasses federais para o GDF, Rollemberg (PSB) não tem muitas opções, e terá que tomar medidas drásticas ainda este ano, como a exoneração de comissionados, para poder honrar o pagamento do funcionalismo público.

 

Com dificuldades para sair do limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o Executivo segue com algumas restrições impostas por esta Lei, como a impossibilidade de conceder reajustes, realizar mudanças na estrutura administrativa que impliquem novas despesas e também fazer novas contratações.

 

Nos bastidores comenta-se que a saída do PSB da base aliada do governo de Michel Temer (PMDB), seria um entrave para liberação de mais recursos do Tesouro Nacional.

 

Fonte: *Por:Delmo Menezes/Agenda Capital/Clipping

COMENTÁRIOS