compartilhar

CAPITAL PARADOXA: Brasília e cidades próximas se destacam com espaços místicos

Os locais chamam atenção pela exuberância holística e preocupação com a cura do espírito

Casa dos Três Poderes, berço das principais decisões políticas brasileiras e palco dos últimos escândalos envolvendo altos escalões do governo, Brasília vive um paradoxo, ao se configurar também como um centro holístico e espiritual do país.
Profetizada por Dom Bosco, a região da capital federal é mística desde a origem.
No Planalto Central, bem perto do nosso quadrado, ainda há a região de Alto Paraíso de Goiás, considerada a cidade mais esotérica do Brasil, e Abadiânia, município de 13 mil habitantes, conhecido por ser a casa de João de Deus, um dos mais famosos e respeitados médiuns em atividade no mundo.

O livro Memórias biográficas de Dom Bosco, publicado em 1935 pela editora italiana Societa Editrice Internazionale, relata o sonho-visão do santo italiano, que descreve o surgimento da nova capital do Brasil.
De acordo com o relato, em uma tarde de 1883, o padre Felipe Rinaldi, um dos primeiros seguidores de Dom Bosco, encontrou-o em seu escritório, em Turim, na Itália, com um globo terrestre sobre a mesa de trabalho. Ele tocava, com uma das mãos, a área referente ao Brasil, e falava sobre o sonho que havia tido dias antes, no qual fazia uma viagem à América do Sul, lugar que nunca havia conhecido.
BrasíliaContou que contemplava grandes planícies, florestas, lagos, entre outros pontos, quando viu um planalto — que corresponderia, atualmente, ao Planalto Central. “Entre o grau 15 e o 20, havia uma enseada bastante extensa, que partia de ponto onde se formava um lago. Disse então uma voz repetidamente: ‘Quando se vierem cavar as minas escondidas em meio a estes montes, aparecerá aqui a terra prometida, que jorra leite e mel. Será uma riqueza inconcebível’”, está escrito. Dom Bosco localizou a faixa compreendida pelos paralelos 15 e 20, entre os Andes e o Oceano Atlântico.
Exatamente entre os paralelos 15 e 16, foi localizada a nova capital do Brasil, cumprindo o que previu o santo.
A cerca de 240km de Brasília, Alto Paraíso de Goiás é, por vários fatores, considerada a cidade mais mística do Brasil, seja pelos mistérios que abriga, pela abundância de cristais no solo (que, segundo alguns especialistas, alteram as emoções e funcionam como canalizadores de energia), pela presença do paralelo 14 — o mesmo que passa sobre Machu Picchu, no Peru, e outras cidades incas sagradas —, ou pelos vários grupos espirituais que se espalham pela cidade.

Em um raio de alguns metros, é possível encontrar desde igrejas católicas tradicionais a centros budistas, templos de yoga e meditação, espaços dedicados a diferentes tradições da Índia, como o movimento hare krysnha, do hinduísmo, e templos de ayahuasca, bebida enteógena (que altera a consciência e a percepção) produzida a partir da combinação da videira Banisteriopsis caapi com várias plantas.
Olhos de diversas partes do mundo também se voltam para outra pequena cidade de Goiás, a cerca de 100km do de Brasília, chamada Abadiânia.Resultado de imagem para JOÃO DE DEUS ABADIANIA

Entre as personalidade famosas que buscaram cirurgias espirituais e mediúnicas com João de Deus, estão a apresentadora de tevê norte-americana Oprah Winfrey, a modelo britânica Naomi Campbell, os ex-presidentes da República Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, a apresentadora brasileira Xuxa e atores brasileiros como Fábio Assunção e Cláudia Raia.

Como se não bastassem essas manifestações místicas, o Distrito Federal foi o local escolhido para ser a casa de Inri Cristo, homem que se diz a reencarnação de Jesus Cristo.
O catarinense nascido em Indaial afirmou, em 1979, ter tido a revelação de sua verdadeira identidade após ter feito jejum durante alguns dias em Santiago, no Chile. Até então, era conhecido como Iuri de Nostradamus, nome que adotou como vidente e conselheiro. Em 1982, fundou a instituição Suprema Ordem Universal da Santíssima Trindade (SOUST), que estava provisoriamente situada em Curitiba, até se instalar definitivamente no Gama, em 2006.

Vale do ombro amigo
Em Planaltina, um complexo religioso recebe visitantes de todo o Brasil e de outros países, como Canadá, Bolívia e França, desde 1969. O Vale do Amanhecer, fundado pela médium clarividente Neiva Chaves Zelaya, conhecida como Tia Neiva, no fim da primeira década de existência de Brasília, originou quase mil espaços como ele em outras cidades do país e do mundo. Após cinco décadas de criação, a doutrina espírita de Tia Neiva tem, hoje, cerca de 700 templos ativos em todo o Brasil e em outros sete países.

A sede, em Planaltina, é como uma pequena cidade, com vários espaços abertos e fechados, lagos, cascatas, cores, imagens, símbolos, montes, estátuas, esculturas, além de centenas de casas dos moradores do Vale do Amanhecer — estruturas mantidas por cerca de 150 mil médiuns, homens e mulheres integrantes de uma complicada estrutura hierárquica, baseada em referências cristãs, espíritas, maias e até orientais. As vestimentas dos moradores e frequentadores do local chamam a atenção pela excentricidade. Capas, botas, vestidos, colares, enfeites de cabelo, estampados com figuras simbólicas da doutrina.

 

Fonte: *Via CB/Clipping

COMENTÁRIOS