compartilhar

ATENÇÃO E PROTEÇÃO: Campanha de Multivacinação acaba nesta sexta-feira (22) também em Brasília

A mobilização visa atualizar a caderneta de crianças e adolescentes. Foram disponibilizados 13 vacinas, para crianças até nove anos, e oito para adolescentes de 10 a 15 anos.

Esta sexta-feira (22) é o último dia da campanha de multivacinação 2017, promovida pelo Ministério da Saúde em conjunto com estados e municípios.

Até o final da tarde, postos de saúde de todo país estarão de portas abertas para atualizar as cadernetas de vacinação de cerca de 47 milhões de crianças e adolescentes.

 

O alvo da campanha são crianças menores de cinco anos; crianças de nove anos e adolescentes de 10 a 15 anos incompletos.

Estimativa do Ministério da Saúde indica que mais da metade (53%) do público-alvo não está com calendário de vacinação completo. Com a mobilização, o Ministério da Saúde quis reforçar o acesso às vacinas, alertando estados e municípios sobre a importância de manter elevadas coberturas vacinais para evitar o reaparecimento de doenças já controladas ou mesmo eliminadas.


A recomendação é que sejam alcançados índices de acordo com a meta de cada imunobiológico. “O sucesso dessa política ao longo dos anos permitiu que no Brasil muitas doenças - como a varíola, o sarampo, rubéola e a pólio – fossem erradicadas”, afirmou a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde, Carla Domingues.


Nesses 12 dias de mobilização, 13 vacinas, para crianças, e oito, para adolescentes, estão à disposição da população. São 36 mil postos fixos de vacinação e 350 mil profissionais de saúde envolvidos nesta campanha. O Ministério da Saúde enviou 143,9 milhões de doses de vacina de rotina aos estados, além de 14,8 milhões de doses extras de 15 vacinas.


A campanha publicitária deste ano trouxe o slogan “Todo mundo unido, fica mais protegido”, chamando pais e responsáveis para a mobilização. São peças de TV, rádio, com veiculação nacional, internet, além de banners e cartazes que serão distribuídos nos postos de vacinação.


ZÉ GOTINHA - Para reforçar a convocação no último dia da campanha, o Zé Gotinha participou durante toda a semana de intervenções em escolas do Distrito Federal, Salvador e São Paulo. Juntamente com um profissional de saúde, o personagem conversou com as crianças e adolescentes para conscientizar os alunos da importância de manter a vacinação em dia e seu impacto na saúde pública.


 

VACINAS - O Programa Nacional de Imunizações distribui cerca de 300 milhões de imunobiológicos anualmente, dentre vacinas e soros, além de oferecer à população todas as vacinas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no Calendário Nacional de Vacinação. Nos últimos cinco anos, o orçamento do PNI cresceu mais de 140%, passando de R$ 1,2 bilhão, em 2010, para R$ 4,3 bilhões, em 2017.

 

COMENTÁRIOS