compartilhar

CRISE HÍDRICA : Grande Brasília continua em alerta por falta d’água e mantém rodízio no abastecimento

O clima no mês de outubro é muito irregular por ser o período da transição de estação. A previsão é que a partir do dia 13 as chuvas cheguem com mais força. Mas é nos meses de novembro, dezembro e janeiro que se espera a maior intensidade

Mesmo com a chegada das chuvas, o Governo do Distrito Federal vem mantendo o estado de alerta no fornecimento de água e vai continuar com o rodízio diário em determinadas localidades, segundo a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa).

 

Os reservatórios do "quadrilátero" ainda estão em observação. Na manhã de hoje (5), a medição no "Descoberto" registrava 16,2% do volume útil, e o de Santa Maria com 28,3%.

Resultado de imagem para PAULO SALES ADASA,“A crise hídrica ainda é muito grave. Precisamos da colaboração de todos para continuar usando água de maneira racional, com economia e sem desperdício”, observou o diretor-presidente da Adasa, Paulo Salles.


Apesar da alta na umidade do ar, a previsão é que o sol apareça novamente no final de semana. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), outubro é um mês de transição do inverno para a primavera, e é normal a oscilação do clima.

“O clima no mês de outubro é muito irregular por ser o período da transição de estação. A previsão é que a partir do dia 13 [de outubro] as chuvas cheguem com mais força. Mas é nos meses de novembro, dezembro e janeiro que se espera a maior intensidade”, disse Hamilton Carvalho, meteorologista do Inmet.


O abastecimento de água na Grande Brasília é suprido pelos reservatórios de Santa Maria, do Descoberto, que, desde segunda-feira (2), conta com o suporte da Estação Tratamento de Água do Lago Norte, que capta 700 litros de água por segundo do lago Paranoá e fornece para os seguintes bairros:o Lago Norte, Paranoá, Itapoã e Taquari.

Previsão

A Grande Brasília tem previsão de sol para o final de semana. Com a chegada da primavera e as chuvas que ocorrem desde de o dia 28 do mês passado no Distrito Federal, se encerrou o período de seca que já durava 127 dias.

A estação provocou queimadas, baixa no nível de água nos reservatórios e alterou o cotidiano da população.

De acordo com as previsões, o final de semana será de clima ameno, com temperaturas que variarão entre 15 e 31 graus. “Estamos prevendo um final de semana sem chuvas. O clima ficará parcialmente nublado e com sol”, afirmou Hamilton Carvalho. Com oscilação no clima, segundo o Inmet, a previsão é que o volume de chuvas para outubro chegue a 166 milímetros.

 

COMENTÁRIOS