compartilhar

RECONSTITUIÇÃO MAMÁRIA: Fila para reconstruir mama tem mais de 100 mulheres na capital federal

Secretaria de Saúde informa que atualmente a fila para o exame de mamografia está zerada.

O mês dedicado ao combate e tratamento do câncer de mama tem seu fim nesta terça-feira, mas para cerca de 130 mulheres do Distrito Federal, a luta ainda está longe do fim. Elas aguardam, sem previsão, pela cirurgia de reconstituição mamária.

 

Todas esperam para fazer o procedimento no Hospital Regional da Asa Norte (HRAN). A cirurgia é considerada a última etapa do tratamento das pacientes diagnosticadas com câncer de mama, e que tiveram algum dos seios retirados.

 

Imagem relacionada

A fila pode ser ainda maior, já que outras quatro unidades hospitalares também oferecem o procedimento. Questionada, a Secretaria de Saúde não conseguiu apresentar os números da fila dos demais hospitais. A pasta informou que o HRAN representa 80% da demanda em todo o Distrito Federal, e que, no mês de outubro, realizou 54 cirurgias de reconstituição mamária.

 

Para Joana Jeker, de 41 anos, a demora no procedimento se dá pelo sucatemaneto da saúde. "Muito já foi conquistado, mas faltam coisas básicas como anestesistas e materiais para que os procedimentos sejam realizados na rede pública", comenta. Fundadora da ONG Recomeçar, Joana ficou conhecida quando, em 2010, promoveu uma manifestação em frente ao HRAN para que sua cirurgia fosse realizada.

Resultado de imagem para reconstituição de mama

"Eu comecei o procedimento no HRAN e depois da segunda fase fui informada pelo meu médico que ele não iria mais continuar, pois faltavam os materiais básicos para a finalização. Corri atrás dos meus direitos", contou Joana. Ela foi uma das mobilizadoras da Lei Distrital 4761/2012, que garantiu o direito de muheres terem a mama reconstituída pela rede pública de sáude do DF.

 

"Sei o quanto que, depois de uma fase tão difícil como passar pelo tratamento de câncer de mama, essa cirurgia representa para a autoestima das mulheres. Por isso sou tão engajada nesta causa", completou.

 Resultado de imagem para reconstituição de mama

A Secretaria de Saúde diz que atualmente a fila para o exame de mamografia está zerada, e que realizou 2.716 exames neste mês outubro. Segundo a pasta, novos aparelhos para tratamento estão em fase de licitação.

 

Fonte: *Via Destak/Clipping

COMENTÁRIOS