Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL: "Migração" de eleitores de Brazlândia para Ceilândia é boato, diz TRE do DF

Rumor dizia que moradores da cidade-satélite teriam de votar em Ceilândia; informação é falsa. Título de eleitor terá de ser atualizado porque número da zona eleitoral mudou; veja como fazer a troca.

Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) emitiu nota de esclarecimento, nesta segunda-feira (6), para desmentir boatos que apontavam mudanças nos locais de votação de eleitores registrados em Brazlândia.

Segundo o órgão, não há alteração prevista e, em 2018, essas pessoas poderão votar nos locais de costume.


O rumor surgiu porque, no início do semestre, o TRE teve de renomear algumas das zonas eleitorais da capital. A revisão foi determinada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que reduziu o número de zonas da Grande Brasília de 21 para 19.

Com a mudança, os cidadãos das áreas afetadas tiveram de comparecer a cartórios para trocar o título de eleitor – o número da zona eleitoral é uma das informações inscritas no documento.

Apesar disso, não há previsão de mudança nos locais de votação. Na prática, para o eleitor, a troca do documento não passa de uma formalidade.

"O local de votação continua o mesmo, sem alteração. Todos os eleitores continuam votando nos mesmos locais que votavam anteriormente", diz a nota do TRE-DF.


 

Novo título

 

Para atualizar o título de eleitor, o cidadão precisa comparecer ao Posto Eleitoral de Brazlândia com um documento de identificação oficial – a carteira de identidade ou de habilitação, por exemplo.

O posto fica no imóvel do antigo Cartório Eleitoral de Brazlândia, na AE nº 02 Lote A, no Setor Norte. A emissão é gratuita.

A mudança nas zonas eleitorais também afetou eleitores que registram voto no Gama Leste. Para essas pessoas, o documento deve ser atualizado na sede da 17ª Zona Eleitoral, na Área Especial 11 do Setor Central do Gama. Assim como em Brazlândia, não há mudança no local de votação.

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS