compartilhar

COMBUSTÍVEIS EM ALTA: Sindicato alerta sobre possível desabastecimento de combustíveis na Grande Brasília

Em nota, entidade que representa os postos de gasolina na capital federal teme que protestos feitos em Goiânia ocorram também em Brasília

O Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e de Lubrificantes (Sindicombustíveis) publicou uma nota nas redes sociais para alertar a população sobre a possibilidade de desabastecimento nos postos do Distrito Federal.

 

No texto, o presidente da entidade, Daniel Costa, recomenda “aos que puderem completar o tanque ainda nesta quarta-feira (15/11)”, que o façam.

Segundo ele, em caso de paralisação das bases distribuidoras de combustíveis de Brasília – o temor é de um protesto em frente à Transpetro, no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), nesta quinta (16) –, em menos de 48 horas a capital pode ter problemas no abastecimento de gasolina, etanol e diesel. “Não concordamos com esse tipo de ato que prejudica a população, nem mesmo com o aumento de preços da forma que está ocorrendo pela Petróleo Brasileiro [Petrobras]”, afirmou.


O temor do presidente é que em Brasilia haja manifestação semelhante à que bloqueou a distribuição de combustível em Goiânia, em protesto contra o aumento do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e a existência de um suposto cartel que controla os preços na capital goiana.


 

O movimento, que bloqueou a saída de 23 distribuidoras em Goiânia, provocou o desabastecimento em 30 postos da cidade na terça-feira (14).

 

 

Fonte: *Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS