compartilhar

SINDICATO X JUSTIÇA: Metrô de Brasília amanhece parado pelo 5º dia seguido devido à greve de funcionários

Empresa diz que fez contagem e não encontrou efetivo mínimo de trabalhadores para manter serviço. Faixas exclusivas de ônibus ficam liberadas.

O Metrô do Distrito Federal não vai funcionar nesta quarta-feira (22) devido à falta de pessoal, em meio à greve de funcionários, que completa 14 dias.

Nenhuma das 24 estações está aberta, pelo menos no período da manhã.

A empresa responsável pelo serviço informou que fez uma contagem dos trabalhadores presentes no início a manhã e verificou que o número era insuficiente para manter os trens em circulação.Cartaz colocado pelo Metrô-DF nas estações diz que trens não irão funcionar (Foto: Metrô-DF/Divulgação)

Segundo o Metrô, dos 31 pilotos previstos, apareceram apenas 16 – sendo que o mínimo seria 18.

 

Dos 79 agentes de estação (responsáveis por abrir as estações e vender passagens) que estavam previstos, 31 apareceram (sendo que são necessários três por estação).

As estações estão completamente fechadas desde sábado (18) – ou seja, este é o quinto dia seguido em que o sistema não roda. Com isso, as faixas exclusivas para ônibus permanecem liberadas para circulação de carros, motos e caminhões na EPTG, na EPNB, na Avenida W3 Sul e Norte e no Setor Policial Sul.

 

Fonte: *Via G1/Clipping

COMENTÁRIOS