compartilhar

ELEIÇÕES 18: PPS coloca Cristovam Buarque e Valmir Campelo como opções ao Buriti

Senador, entretanto, disse que mantém os planos de disputar a Presidência da República

Em congresso neste sábado (2/12), o PPS-DF avançou nas discussões sobre os nomes dos candidatos para os principais cargos nas eleições de 2018. 

A maior aposta do partido para o próximo ano deve ser o senador Cristovam Buarque.

Durante o evento deste sábado, Cristovam foi cogitado tanto para a disputa pela Presidência da República quanto pelo Palácio do Buriti.

 

Até então, o senador era apontado como aposta apenas ao Planalto ou a um novo mandato no Senado. Ao Metrópoles, no entanto, o parlamentar desconversou. “Não vou desmentir o congresso, mas os meus planos continuam os mesmos”, disse, logo após o encontro que reuniu dezenas de lideranças políticas do partido, como os distritais Celina Leão e Raimundo Ribeiro.


 

Cristovam chegou a planejar uma licença do mandato para fazer pré-campanha pelo país, mas desistiu devido ao escândalo sexual envolvendo seu suplente, Wilmar Lacerda, conforme revelado pelo Metrópoles

Valmir Campelo
Outro nome citado neste sábado como possibilidade na disputa pelo GDF é o do ex-ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Valmir Campelo. Com passagens por ambas as casas do Congresso Nacional, Campelo se filiou ao PPS em junho deste ano, já pensando em 2018.


A decisão sobre quem vai liderar a chapa, no entanto, ainda será discutida internamente. O PPS-DF pretende defender, na convenção nacional do partido, no ano que vem, uma candidatura ao GDF e uma chapa para a Presidência da República.

“Estamos decididos a ter uma alternativa própria a essa polarização na política. Temos bons nomes para o governo, como o senador Cristovam, que ainda pode vir a presidente e a senador, e o ex-senador Valmir Campelo. Vamos buscar alianças com partidos como o PRB e o PSD, entre outros, incluindo o PCdoB, além de uma aproximação com o ex-secretário [de Saúde] Jofran Frejat [PR]”, afirmou o presidente do PPS-DF, Chico Andrade.

Durante o congresso deste sábado, Chico Andrade foi reeleito e permanecerá à frente da sigla na capital federal. Os outros cargos do diretório ainda não foram definidos.

Brito/CLDF

 

Fonte: *Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS