compartilhar

ELEFANTE BRANCO SEM FUTEBOL: Estádio mais caro da Copa 2014, "Mané Garrincha" vai virar casa de shows

Mané Garrincha é de responsabilidade do governo do Distrito Federal

Estádio mais caro da Copa do Mundo de 2014, no Brasil, o "Mané Garrincha" deve se tornar uma "casa de shows".

 

Isso porque o Governo do Distrito Federal (GDF) não deseja mais ficar com a arena, que custou quase R$ 1,6 bilhão.

O espaço será repassado para a iniciativa privada, e há somente um interessado: o consórcio Arena BSB.

 

Composto pelas empresas RNGD e Amsterdam Arena, ele há avisou que, nos próximos 35 anos, o futebol será secundário, pois a prioridade será usar o local para shows e eventos.

Ao site do jornal Estadão, que revelou a informação, o líder do consórcio, Richard Dubois, citou os planos para o "Mané Garrincha", que fica em Brasília.

"Nossa ideia é aproveitar a estrutura do estádio, a localização e o alto poder aquisitivo da população de Brasília, para levar grandes shows ao Mané Garrincha e gerar receita. A principal fonte de renda certamente não serão os eventos esportivos", admitiu.

O processo de entrega da arena começou em março de 2016. Há expectativa de que o contrato de concessão seja assinado no mês que vem.

Imagem relacionada

 

COMENTÁRIOS