Image and video hosting by TinyPic

 

Image and video hosting by TinyPic

 

compartilhar

RUMO AO BURITI, 2o. TURNO: Na reta final, Rollemberg diz que ganhar “de virada é mais gostoso”

Em caminhada por Sobradinho I, governador afirmou acreditar numa reviravolta no próximo domingo (28) e voltou a atacar Ibaneis

A dois dias de saber se será ou não reeleito, o candidato ao Palácio do Buriti Rodrigo Rollemberg (PSB) acelerou o passo pela Feira da Lua, em Sobradinho I, na manhã desta sexta-feira (26/10), em busca de eleitores. “Agora, é virar os votos. E, domingo, nós teremos uma grande vitória. Porque de virada é mais gostoso”, disse o governador.


O buritizável, segundo pesquisa Datafolha divulgada na última quinta (25/10), precisa reverter quase 50 pontos de diferença do adversário Ibaneis Rocha (MDB).

Na sondagem, o emedebista tem 74% dos votos válidos contra 26% de Rollemberg.

Ele ainda enfrenta alto índice de rejeição.

De acordo com o levantamento, 63% dos eleitores dizem não votar nele de jeito algum. O seu oponente na disputa tem 24% de reprovação.


Com esse cenário, o atual gestor antecipou que a agenda do último dia de campanha, neste sábado (27), será intensa e que ainda dá tempo de abocanhar um segundo mandato. “Estou muito confiante. Vamos fazer campanha hoje e amanhã também. No domingo (28), vou votar às 8h, porque já quero começar na frente”.

Abandono
Mas a animação do candidato não é a mesma dos eleitores. No trajeto pelas barracas, a professora Adriana Sousa Barros, de 49 anos, questionou o governador sobre a falta de atenção pela categoria. “Por que o senhor abandonou os professores? Cadê o nosso aumento? E as pecúnias?”, perguntou.

“Se o Ibaneis ganhar, ele vai transformar as pecúnias em exercício findo pra virar precatório, já que ele tem muito interesse nisso”, respondeu Rollemberg. “Quem garante?”, replicou Adriana. “Eu nunca coloquei as pecúnias em exercício findo. Se tivesse feito isso, virava precatório e seria pago só muito posteriormente. Nós temos pago R$ 15 milhões por mês”, explicou.

Antes de caminhar pela feira, o candidato acompanhou o andamento da obra da nova rodoviária da cidade. Na ocasião prometeu construir mais terminais de ônibus e o BRT que vai ligar o Plano Piloto a Sobradinho e Planaltina, além de concluir o trevo triagem norte e a ligação Torto-Colorado.

Mesmo sem poder usar obras em curso para fazer campanha, como determina a lei eleitoral, o governador e sua equipe cumprimentaram os trabalhadores e distribuíram adesivos para que eles pregassem nos uniformes (foto de destaque).

Michael Melo/Metrópoles

 

Fonte: *Via Metropole/Clipping

COMENTÁRIOS